COM A PALAVRA A DIRETORA ESTADUAL DE SOCIALIZAÇÃO E RESSOCIALIZAÇÃO, A SRA. MARIA CRISTINA BAGGIO

Atualizado: 29 de Jun de 2019


É por entender que a falta de oportunidade e de inserção de jovens e adultos seja no mercado de trabalho seja na vida social e cultural tem sido um importante motivo de marginalização que essa diretoria terá um papel fundamental no resgate e reinserção de ex-presidiários na sociedade, assim como prevenir que jovens entrem para marginalidade.


Tanto o tráfico quanto a vida do crime surgem como opção quando as populações vulneráveis se veem diante da impossibilidade de reproduzir sua própria vida. A Diretoria de Socialização e Ressocialização possuirá o papel de acolher as pessoas que viveram ou ainda vive na vida do crime, tarefa que será realizada através de trabalho psicoemocional e de conscientização sobre o contexto político-econômico, cultural e psicossocial no qual estão inseridos, dando lhes um direcionamento ao trabalho.


Esse atendimento será destinado à população que não tem acesso ao apoio do Estado, às famílias de detentos e à reinserção de ex-detentos na sociedade. Terá também como objetivo detectar o motivo que o atraiu ou o torna suscetível ao crime, tais como: falta de oportunidade ou eventuais distúrbios emocionais, de forma a ser dado o encaminhamento mais efetivo e suporte necessário à família.


Maria Cristina Baggio

Diretora Estadual de Socialização e Ressocialização.

93 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo